Notícias RS 02, Jan, 2018

Olival ecológico e solidário

O projeto “Olival ecológico e solidário” surgiu na sequência da candidatura de 7.49 ha do olival, situado no Campus Politécnico, ao apoio à Manutenção da Atividade Agrícola em Zonas Desfavorecidas e à Ação Agroalimentar 7.6.1 – Culturas Permanentes Tradicionais – olival tradicional, formalizada no dia 28 de maio de 2015 ao Instituto de Financiamento da Agricultura e Pescas, IP (IFAP).

A ação tem como objetivo assegurar manutenção de sistemas tradicionais de culturas permanentes (olival tradicional e pomares tradicionais) importantes para a preservação do ambiente, para a manutenção da biodiversidade, do património genético vegetal e da preservação de paisagens características, em áreas geográficas delimitadas. A ação agroalimentar constitui a melhor forma de assegurar uma gestão ambiental sustentável das áreas em questão.

O projeto apresenta como objetivos:
‒ Garantir a realização da colheita da azeitona e o respetivo encaminhamento para o lagar;
‒ Promover atividades de cariz solidário, mediante a oferta de azeite a instituições de apoio social;
‒ Promover atividades letivas, usando o olival como meio pedagógico;
‒ *Garantir o bom estado vegetativo e sanitário das árvores, nomeadamente através de podas, limpezas das culturas permanentes, de modo a permitir proceder regularmente à colheita;
‒ *Proceder ao controlo da vegetação lenhosa espontânea dominada por arbustos.

 

*Objetivos definidos no âmbito dos acordos assumidos com o IFAP durante um período de cinco anos (2015/2020).